PESQUISA / SUGESTÕES
RECEBA INFORMAÇÕES

4 de Fevereiro de 2014 | Notícias

Páscoa gera pelo menos 700 vagas temporárias

A Páscoa ainda está distante, será comemorada no dia 20 de abril, mas as empresas de chocolate já oferecem oportunidades de emprego temporário para trabalhar nas fábricas ou em lojas. Três marcas contratam, para atuar no varejo do Grande ABC, quase 700 pessoas. Só a Mondelèz Brasil, dona da marca Lacta, vai admitir boa parte desse contingente (596) para a função de promotor de vendas, que é o responsável por auxiliar os consumidores a escolher o ovo que atenda às suas expectativas nas parreiras de lojas e supermercados. Em todo o País, a companhia empregará 8.000 temporários para o período.

As inscrições se encerram hoje. Os interessados têm de se cadastrar pelo site www.vagas.com.br/mondelez_pascoa.

Os candidatos devem ter Ensino Fundamental completo, idade mínima de 18 anos, boa comunicação e capacidade para abordar o consumidor. O período de trabalho para os selecionados vai de fevereiro até o domingo de Páscoa. A empresa divulga que o salário oferecido é compatível com o mercado, e o funcionário terá direito ainda a vale-transporte e vale-refeição.

A Cacau Show, por sua vez, abre em fevereiro inscrições para contratar 4.700 temporários, como vendedores, em mais de 1.540 lojas da rede no País. Só na região, serão gerados 96 postos de trabalho. O processo seletivo vai até março, dependendo da quantidade de vagas restantes em cada loja. Para participar, a pessoa deve apresentar currículo nas lojas mais próximas de sua residência, ter 18 anos ou mais, possuir segundo grau completo e experiência em vendas.

A Munik abre, ao todo, 80 postos temporários, dos quais 30 são para a fábrica, em São Paulo, e outros 50 (dos quais quatro no Grande ABC) para as lojas na Capital e demais municípios da Região Metropolitana e do Interior.

Interessados em participar do processo seletivo podem se inscrever pelo e-mail rh2@munik.com.br ou entregar seu currículo em uma das lojas, cujos endereços constam do site www.chocolatesmunik.com.br.

NO PAÍS - O número de vagas temporárias para a região deve ser ainda maior, já que algumas grandes empresas não disponibilizaram a informação de quantos empregos serão abertos no Grande ABC. O grupo Nestlé (www.nestle.com.br), por exemplo, comunicou que terá mais 3.500 postos e sua marca Garoto vai gerar outros 5.000 no País para a data.

Além destas, a CRM, dona da Kopenhagen e da Chocolates Brasil Cacau, terá o reforço de 86 colaboradores para lojas próprias da primeira marca e 53 para a segunda. O processo seletivo será feito por meio de agências de empregos.

 

Do Diário do Grande ABC

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA