PESQUISA / SUGESTÕES
RECEBA INFORMAÇÕES
6 de Junho de 2018 | Notícias

Centrais sindicais lançam hoje agenda prioritária da classe trabalhadora

A CUT, juntamente com as centrais sindicais CSB, CTB, Força Sindical, In­tersindical, Nova Central e UGT, apresentam a “Agenda Prioritária da Classe Traba­lhadora”, documento unifi­cado com 22 propostas para o desenvolvimento do Brasil. O lançamento será hoje, às 10h, no Sindicato dos Quí­micos de São Paulo.

“Vamos ter o início do pro­cesso eleitoral no País e é sempre muito importante para a classe trabalhadora, que tem a sua pauta, se posicionar conjuntamente e cobrar de todos os candi­datos o compromisso com a retomada da democracia”, afirmou o secretário-geral da CUT, Sérgio Nobre.

“Não podemos assistir ações autoritárias nem vio­lência no Brasil. O ex-pre­sidente Lula é vítima disso, está preso sem ter cometido nenhum crime”, continuou.

As propostas são em defe­sa da democracia, soberania e desenvolvimento com jus­tiça social. “No centro da pauta está a questão do desemprego. Já são 28 milhões de desempre­gados no Brasil. Construí­mos propostas para resolver o problema, em especial ações para a juventude”, explicou.

“Defendemos a criação de frentes de trabalho e po­líticas de amparo aos desem­pregados, com mais parcelas do seguro-desemprego, sub­sídio em gás e energia, trans­porte gratuito para procurar emprego”, exemplificou.

O debate conjunto para elaboração do documento foi feito pelas centrais e o Departamento Intersindi­cal de Estatística e Estudos Socioeconômicos, o Dieese.

“Vamos apresentar a Agenda Prioritária no Con­gresso, a todos os candidatos com compromisso com a democracia e para entidades da sociedade”, contou.

As centrais sindicais tam­bém anunciarão uma grande mobilização nacional em de­fesa dos direitos, empregos e democracia para agosto.

Da Redação. 

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: