PESQUISA / SUGESTÕES
RECEBA INFORMAÇÕES
31 de Julho de 2018 | Notícias

PLR aprovada na Zeppelin e na Zaba e rejeitada na GAM

Assembleia na Zeppelin. Fotos: Adonis Guerra

Os acordos de Participação nos Lucros e Resultados, PLR, negociados pelo Sindicato com as empresas, foram aprovados pelos com­panheiros na Zaba e na Zeppelin, ambas em São Bernardo, em assembleias realizadas na tarde da última sexta-feira, 27.

Na Zeppelin, o valor negociado será pago em duas parcelas, a primeira já foi paga e a segunda será em janeiro de 2019.

Os desafios na Campanha Salarial 2018, diante dos retrocessos impostos pelo gover­no Temer também foi assunto discutido na assembleia. As duas empresas integram o G2, grupo patronal que quer alterar 55 cláusulas na Convenção Coletiva de Trabalho, CCT.

“Os companheiros comemoram o acordo que ficou acima da expectativa. Mas, apesar da conquista da PLR, é preciso ter consciência da necessidade da luta pela renovação das cláusulas sociais. Esse é o nosso principal objetivo neste momento”, lembrou o coordenador de área, José Caitano Lima.

Assembleia na Zaba. Foto: Divulgação. 

Para os trabalhadores na Zaba, o valor será pago em duas parcelas, sendo a primeira em agosto e a seguinte em fevereiro do próximo ano.

“Os trabalhadores na fábrica estão preo­cupados com a reforma da Previdência, pois sabem que ela pode voltar a ser debatida pelo Congresso. Também estão atentos às nego­ciações da Campanha Salarial, já que o grupo patronal quer retirar a maioria dos direitos conquistados. Eles se mostraram dispostos a fazer a luta”, destacou o coordenador de área, Jonas Brito.

Os companheiros nas duas fábricas também aprovaram a contribuição negocial aos não sócios. Quem ficar sócio até o dia 15 de agosto terá isenção da taxa. Procure o Sindicato.

Reprovação na GAM

Em assembleia na manhã de ontem os trabalhadores na empresa GAM, também em São Bernardo, rejeitaram a proposta de PLR. “Diante da decisão do pessoal no chão de fábri­ca, vamos marcar uma nova reunião com a em­presa para buscar melhorias no acordo e poder apresentar uma nova proposta que contemple os companheiros”, afirmou o coordenador de área, Simão Barbosa de Matos Neto, o Soró.

Da Redação.

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: