PESQUISA / SUGESTÕES
RECEBA INFORMAÇÕES
1 de Agosto de 2018 | Notícias

"O rancor aprisiona, a liberdade é não sentir raiva de ninguém"

 

A frase é da monja budista Coen, que saiu sorridente do encontro com o ex-presidente Lula na sede da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, na última segunda-feira, 30. “Que gostoso abraçar o Lula”, disse.

A monja contou que Lula diz tentar acalmar as pessoas que vão visitá-lo, falando o seguinte: “Não tem que ter raiva, senão você entra na mesma energia prejudicial dos outros, aqueles que são maus, é preciso ter compaixão e piedade para desculpar quem não vê o que está acontecendo”.

Ela comentou sobre a satisfação de encontrar nele uma esperança para o País. “Foi uma alegria poder encontrá-lo e falar com ele, apesar da tristeza da circunstância. Ele me disse que dorme tranquilo, que seu coração está em paz, que está forte e firme. E que acredita que o Brasil tem condições de se reerguer e ser um grande País”, relatou.

Na semana passada, Lula recebeu mais uma série de manifestações de apoio nacionais e internacionais.

EUA

Em uma carta pública, 29 congressistas norte-americanos, incluindo o senador Bernie Sanders, que concorreu nas primárias do Partido Democrata à presidência dos EUA, defenderam o direito de Lula a se candidatar à presidência do País em outubro.

Parlamento Europeu

Na última quinta-feira, 26, o deputado italiano Roberto Gualtieri, do Parlamento Europeu, visitou Lula e levou a solidariedade de importantes líderes da esquerda europeia e uma carta conjunta PLRassinada pelo presidente do Partido Socialista Europeu e do presidente do grupo do Parlamento Europeu.

O deputado criticou duramente a sentença do juiz de 1ª Instância, que ele afirmou ter lido na íntegra; "Fiquei chocado com a ausência de provas e de culpa. Essa sentença deveria ser estudada na universidade por muitos anos como um caso incrível de mal à justiça. Após ler a sentença, não é possível não pensar que tenha sido escrita com motivação política", afirmou.

Flip

Lula também foi lembrado na Festa Literária Internacional de Paraty, Flip, no Estado do Rio de Janeiro, onde houve distribuição de máscaras do ex-presidente. Na última mesa, no domingo, 29, ocorreu um ato em favor da candidatura de Lula.

A frase é da monja budista Coen, que saiu sorridente do encontro com o ex-presidente Lula na sede da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, na última segunda-feira, 30. “Que gostoso abraçar o Lula”, disse.
A monja contou que Lula diz tentar acalmar as pessoas que vão visitá-lo, falando o seguinte: “Não tem que ter raiva, senão você entra na mesma energia prejudicial dos outros, aqueles que são maus, é preciso ter compaixão e piedade para desculpar quem não vê o que está acontecendo”.
Ela comentou sobre a satisfação de encontrar nele uma esperança para o País. “Foi uma alegria poder encontrá-lo e falar com ele, apesar da tristeza da circunstância. Ele me disse que dorme tranquilo, que seu coração está em paz, que está forte e firme. E que acredita que o Brasil tem condições de se reerguer e ser um grande País”, relatou.
Na semana passada, Lula recebeu mais uma série de
“O RANCOR APRISIONA, A LIBERDADE
É NÃO SENTIR RAIVA DE NINGUÉM”manifestações de apoio nacionais e internacionais.
EUA
Em uma carta pública, 29 congressistas norte-americanos, incluindo o senador Bernie Sanders, que concorreu nas primárias do Partido Democrata à presidência dos EUA, defenderam o direito de Lula a se candidatar à presidência do País em outubro.
Parlamento Europeu
Na última quinta-feira, 26, o deputado italiano Roberto Gualtieri, do Parlamento Europeu, visitou Lula e levou a solidariedade de importantes líderes da esquerda europeia e uma carta conjunta
A reforma Trabalhista ampliou as possibilidades de contratação de trabalhadores na jornada de 12 horas de trabalho por 36 horas ininterruptas de descanso. Facultou às partes, mediante acordo individual escrito, convenção coletiva ou acordo coletivo de trabalho, estabelecer tal horário de trabalho observados ou indenizados os intervalos para repouso e alimentação.
Além disto, fixou que a remuneração mensal pactuada, neste caso, abrange os pagamentos devidos pelo descanso semanal remunerado e pelo descanso em feriados, e serão considerados compensados os feriados e as prorrogações de trabalho noturno, quando houver.
Todavia, recentemente a Justiça do Trabalho deferiu a um grupo de vigilantes o pagamento do adicional noturno sobre as horas de trabalho prestadas após às 5h da manhã. Embora a jornada não fosse cumprida integralmente no período noturno (o adicional era concedido das 22h às 5h, mas a jornada era das 19h às 7h), os ministros admitiram a extensão por se tratar de regime de 12h de serviço por 36h de descanso que abrangia todo o turno da noite. Portanto, deferiu o pagamento do adicional até o fim do expediente.
É certo que este entendimento da Justiça do Trabalho diz respeito a período de trabalho anterior à entrada em vigor da reforma Trabalhista, mas sinaliza para as dificuldades de se adotar a nova legislação quando o posicionamento dos tribunais era totalmente oposto ao que foi aprovado pelo Congresso Nacional e sancionado por Temer.
Nossa luta contra essas medidas deve acontecer em todos os lugares, nas ruas, no Congresso, perante os entes governamentais e também junto aos tribunais. Não descansaremos enquanto não se fizer justiça para os trabalhadores. A luta, com certeza, continua.
REFORMA TRABALHISTA
E A JORNADA
DE 12 X 36
Comente este artigo.
Envie um e-mail para
juridico@smabc.org.br
Departamento Jurídico
Colunas: Terças - Dieese | Quartas - Jurídico | Quintas - Saúde | Sextas - Formação
Confira seus direitos
HOJE, ÀS 20h30
canal 44.1 HD
O Sindicato convoca os trabalhadores para assembleia de Participação nos Lucros e Resultados, a PLR. Sexta-feira, dia 3, às 7h30, na Heraeus, em Diadema.
Assembleia de PLRassinada pelo presidente do Partido Socialista Europeu e do presidente do grupo do Parlamento Europeu.
O deputado criticou duramente a sentença do juiz de 1ª Instância, que ele afirmou ter lido na íntegra; "Fiquei chocado com a ausência de provas e de culpa. Essa sentença deveria ser estudada na universidade por muitos anos como um caso incrível de mal à justiça. Após ler a sentença, não é possível não pensar que tenha sido escrita com motivação política", afirmou.
Flip
Lula também foi lembrado na Festa Literária Internacional de Paraty, Flip, no Estado do Rio de Janeiro, onde houve distribuição de máscaras do ex-presidente. Na última mesa, no domingo, 29, ocorreu um ato em favor da candidatura de Lula.
Movimento Negro
Cerca de 160 integrantes do Movimento Negro estiveram no acampamento Lula Livre, em Curitiba, entre os dias 25 e 27.

Movimento Negro

Cerca de 160 integrantes do Movimento Negro estiveram no acampamento Lula Livre, em Curitiba, entre os dias 25 e 27.

 

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: