PESQUISA / SUGESTÕES
RECEBA INFORMAÇÕES
25 de Abril de 2019 | Notícias

Trabalhadores na Ford rejeitam proposta

Foto: Adonis Guerra

Os trabalhadores na Ford, em São Bernardo, rejeitaram a proposta de pacote de indenização por conta do encerramento da produção na planta. Após a assembleia realizada ontem, a produção foi paralisada. Os companheiros permaneceram dentro da fábrica para discutir os rumos da luta.

O vice-presidente do Sindicato, presidente da Confederação Nacional dos Metalúrgicos da CUT, a CNM-CUT, e CSE na Ford, Paulo Cayres, o Paulão, afirmou que a representação dos trabalhadores deve retomar as negociações com a fábrica em busca de uma solução definitiva.

“A nossa luta para garantir os direitos e os postos de trabalho, seja na Ford ou com um novo investidor, continua. É importante que todos sigam as orientações da representação, que serão dadas a cada dia na fábrica”, reforçou.

O processo de luta em defesa dos empregos teve início logo após o comunicado unilateral da montadora de encerramento das atividades em São Bernardo, feito em 19 de fevereiro. Foram realizadas assembleias, atos, reuniões com governos municipal, estadual e federal, e com a matriz nos Estados Unidos para tentar reverter a decisão da Ford.

Da Redação.

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: