PESQUISA / SUGESTÕES
RECEBA INFORMAÇÕES
21 de Maio de 2019 | Notícias

Comitê na Delga realiza debate com juventude

Fotos: Raquel Camargo 

Cerca de 60 metalúrgicos na Delga, entre 19 e 35 anos, reuniram-se no último sábado,18, na Regional Diadema, para debater temas relacionados à juventude. Além dos assuntos voltados ao mundo do trabalho como desenvolvimento industrial nacional, desemprego, reforma da Previdência e Indústria 4.0, a iniciativa do Comitê Sindical proporcionou aos trabalhadores a oportunidade de conversar sobre outros temas que tratam da vida dos jovens na sociedade.

Entre eles, democracia, política, maioridade penal, violência contra mulheres, segurança pública, pena de morte, regulamentação das drogas, direitos da população LGBT, racismo, políticas públicas e comunicação.

Segundo o coordenador da Regional Diadema e trabalhador na Delga, Claudionor Vieira do Nascimento, a ideia de realizar uma roda de conversas surgiu da necessidade de entender o que estes jovens trabalhadores pensam sobre os temas e como veem a sociedade atual. “A juventude tem um papel importante, os jovens são o futuro e quem mudará os rumos do país. Eles representam a ousadia e a liberdade, mas muitas vezes são pouco ouvidos. O objetivo do encontro era ouvi-los mais, e falar menos.”

O coordenador ainda ressaltou que o modelo pode ser utilizado para outros encontros na categoria sobre os mesmos temas abordados, incluindo outros assuntos polêmicos que poderão surgir no futuro.

“Não podemos fingir que estas pautas não existem. O mundo está muito violento e intolerante, não estamos permitindo ouvir os outros. Precisamos ouvir estes jovens, pensar em como agir e fazer a diferença”, afirmou Claudionor.

“Esse é o papel do Sindicato Cidadão, que defende a diversidade, a democracia, e que tem preocupação com o desenvolvimento, a juventude e o futuro do país”, completou.

O diretor executivo do Sindicato, Wellington Messias Damasceno, também esteve presente no evento e destacou a importância dos Metalúrgicos do ABC abrangerem pautas para além do dia a dia na fábrica. “É fundamental fazermos debates destas pautas propositivas do cotidiano do trabalhador. Temos que realizar mais conversas nesta lógica democrática”, disse.

O dirigente também lembrou que o Sindicato historicamente tem como bandeira a inclusão dos jovens nas pautas da classe trabalhadora. “Esse encontro reforça a importância do diálogo com a juventude e que devemos fortalecer o Coletivo de Juventude do nosso Sindicato”, confirmou.

“É a primeira vez que participo de uma atividade do Sindicato nesse formato. Foi muito bom, interessante e com um bom conteúdo. Como foi dito pudemos exercer a democracia e assim aprendemos e ensinamos coisas novas. Devemos realizar mais atividades desse tipo.” Rodrigo do Santos Rebouças, 32 anos, trabalhador na Delga há 14 anos

“Acho que essa atividade ajuda muito para o crescimento individual de cada um. Mostrar as visões dos outros automaticamente faz com que as pessoas se identifiquem e fiquem mais próximas. Eu já conhecia o trabalho do Sindicato, mas foi a primeira vez que participei e foi incrível.” Jheniffer Ribeiro Silva, 19 anos, trabalhadora na Delga há 3 meses

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: